Egoísmo

images

Já li muita coisa a respeito de Egoísmo. Alguém aí do outro lado pode achar que o fato de eu ter lido muito a respeito faz de mim um ser que age desse modo e… bem, é a mais pura verdade: Sou um ser egoísta. Pelo menos acho isso.

Sempre usei a meu favor aquelas afirmações que tratam o egoísmo como questão de sobrevivência. Será que essas afirmações são verdadeiras? Acho que sim, mas em parte.

Não dá para tratar todas as questões usando a mesma régua. Cada caso é um caso, cada atitude é uma atitude.

Dia desses me peguei fazendo um mea culpa. Lá fui eu para frente do meu melhor amigo, o Espelho. Sim, sou adepto dessa terapia e entendo que a gente jamais consegue mentir para a própria imagem. Isso posto, vamos em frente.

Lá, diante da minha imagem cansada, fiz uma pergunta daquelas pesadas, uma pergunta que me deixou sem chão: Marcelo, por que é que você foi tão egoísta em tantas situações? Especialmente naquela em que você…

Bom, não vou escrever aqui o resto, afinal, nenhum de vocês têm alguma coisa a ver com meus problemas, com minhas angústias. Mas é fato que, só com o enunciado da pergunta, já deu para entender o quão profunda foi minha conversa comigo mesmo.

Inevitável sofrer quando constatamos uma coisa dessas, não é mesmo? Pois é.

Pior do que sofrer é não ter uma resposta aceitável. Quer dizer… um belo combustível para aumentar esse sofrimento é não ter uma boa resposta, uma justificativa que explique tais atitudes.

Costumo ter o raciocínio lógico. Assim sendo, sempre tenho que ter uma resposta para minhas perguntas, afinal de contas, por que ter atitudes desse nível se não posso justificá-las? Não faz sentido.

Ser egoísta seria um tipo de defesa do Ego? Até onde sei não faz parte dos mecanismos de defesa propostos. Entretanto, confesso que não sou profundo conhecedor do tema, pois não sou lá muito fã dos teóricos do início do século passado. Acho que a complexidade do ser humano se modernizou de lá para cá.

Que coisa doida essa que escrevi aí em cima. Mas é o que penso. Ficamos mais complexos a cada dia e as teorias pararam no tempo. Uma pena.

Continuemos… Pensar só em si é o que caracteriza o egoísta. Até aí todo mundo concorda. Mas e quando a gente pensa primeiro em nós? Também é egoísmo?

Há quem diga que sim, há quem discorde. Minha opinião sobre o tema é simples: Tenho certeza de que estou em dúvida!

Brincadeiras à parte, é sério isso. Apesar do tom bem humorado. É bom explicar porque os hipocritamente corretos podem cair matando nas redes sociais…

Não tenho uma posição definida a respeito de algo tão complicado. Já pensei em mim em primeiro lugar, diversas vezes, jurando que não estava sendo egoísta. Mas nem por isso deixei de sentir alguma culpa por, supostamente, parecer pensar só em mim agindo conscientemente e me defendendo de mim mesmo quando me chamava de egoísta. Meu Deus, que confusão! Não é nada fácil ter certezas.

Pois bem, caros leitores, a discussão está sobre a mesa. Quem quiser se manifestar a respeito e definir até onde é egosímo ser egoísta, fique à vontade.

Eu vou lá para a frente do espelho confrontar minha imagem e tentar entender porque é que sinto arrependimento por ter sentido certas culpas… ou por não tê-las sentido…

MM

Anúncios
Publicado em Ego. Leave a Comment »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: